Luci Collin conduz grupo de leitura sobre a obra de Maria Valéria Rezende

Lorem ipsum dolor sit amet, consetetur sadipscing elitr

Luci Collin conduz grupo de leitura sobre a obra de Maria Valéria Rezende

Categorias:

maria valeria

Se os clubes de leitura estão fora de moda? Pelo contrário. Mais e mais surgem com o objetivo de debater e potencializar o sentido da obra. A leitura não é mais um prazer solitário. O exercício do debate é também o exercício da leitura, e vice-versa. Melhor ainda se ele for acompanhado de leitores atentos de outros autores, também autores, também escritores. Para o terceiro encontro, nossa autora escolhida foi Maria Valéria Rezende, com Quarenta dias, livro vencedor do Prêmio Jabuti de 2015. A mediadora da discussão será Luci Collin.

O romance Quarenta dias acompanha Alice, uma mulher de cerca de 60 anos, viúva e professora de línguas que leva uma vida tranquila em João Pessoa e que se vê obrigada a abrir mão de tudo porque a filha, que mora no Sul, precisa da ajuda da mãe. Ao chegar a Porto Alegre, Alice surta. Sai caminhando pela cidade que não conhece com a desculpa de procurar o filho da manicure de sua amiga, que foi lá trabalhar em construção e desapareceu. Segue pistas vagas, dorme em rodoviária, hospital, ao relento. Não tem vontade de voltar para a casa cujo endereço se esqueceu. Acostuma-se com a mendicância. Sua autopenitência dura 40 dias, e a ressurreição se dá por meio do diário que ela escreve: o livro que lemos.

LEIA UM TRECHO: “Eu não contava mais horas nem dias. Guiavam-me o amanhecer e o entardecer, a chuva, o frio, o sol, a fome que se resolvia com qualquer coisa, não mais de dez reais por dia (…) Onde andaria o filho de Socorro?, a que bando estranho se havia juntado, em que praça ficara esquecido?”

Maria Valéria Rezende nasceu em 1942, em Santos (SP), onde morou até os 18 anos. Sempre se dedicou à educação popular, primeiro na periferia de São Paulo e, a partir de 1972, no Nordeste. Viveu no meio rural de Pernambuco e da Paraíba e, desde 1986, mora em João Pessoa. Já esteve em Angola, Cuba, França e Timor, entre outros países, convidada a falar sobre seus projetos sociais. Maria Valéria estreou na ficção em 2001, com o livro de contos Vasto mundo. Depois, escreveu livros infanto-juvenis e o elogiado romance O voo da guará vermelha. Seu romance Quarenta dias venceu o Prêmio Jabuti de melhor livro, em 2015.

luci collin

Luci Collin é escritora e curitibana. Tem 16 livros publicados, entre os quais Nossa senhora d’aqui (romance), Querer falar (poesia) e A árvore todas (contos). Participou de antologias nacionais, como Geração 90 – os transgressores e 25 mulheres que estão fazendo a literatura brasileira, e internacionais (EUA, Alemanha, França, Uruguai, Argentina, Peru e México). Tem pós-doutorado em Literatura Irlandesa e leciona Literaturas de Língua Inglesa na UFPR.

QUANDO? Dia 10/04, segunda-feira, 19h às 21h.

ONDE? Na Livraria e Editora Arte & Letra. Alameda Dom Pedro II, 44, no Batel.

COMO POSSO PAGAR?

Você pode pagar na hora do encontro, diretamente no caixa da Arte & Letra, ou fazer sua inscrição com antecedência via Esc. Escola de Escrita e garantir sua vaga pelo link.

Cada encontro: R$ 70 [incluso o livro do dia].
Alunos da Esc. pagam R$ 45.

Quem não quiser adquirir o livro, mas quiser participar do encontro da mesma forma faz o quê?

Alunos regulares 2017 da Esc.: R$ 15
Demais: R$ 25